Saiba se você é um bom líder em 1 minuto

Saiba se você é um bom líder em 1 minuto

683
0
SHARE

Quer analisar rapidinho se você é um bom líder, consultor, coach ou gerente? Então dê uma olhada no gráfico abaixo. Ele se aplica a qualquer pessoa que tenha alguma função de liderança ou orientação de outras pessoas / empresas. Até mesmo pra avaliar se você é um bom pai ou uma boa mãe. E é uma das formas mais fáceis e efetivas de avaliar seu desempenho.

Vejam a figura que está no vídeo.

Repare que a figura mostra uma matriz de 2 dimensões. A dimensão horizontal mostra o quanto você cobra da sua equipe. Você pode ser demanding (alguém que exige, que cobra muito) ou undemanding (alguém que não cobra, que deixa a coisa “correr solta”). Já a dimensão vertical mostra o quanto você dá suporte à sua equipe. Você pode ser supportive (alguém que auxilia, ensina, orienta ou simplesmente dá as devidas condições de trabalho para o seu time) ou unsupportive (alguém que não se preocupa muito em ajudar e acha que todo mundo tem que se virar sozinho).

Pois bem vamos à análise então.

Se você está no quadrante 1, você dá o devido suporte, mas não cobra. Você é permissivo, tolerante demais. É até possível que sua equipe acredite que você não é firme o suficiente. Não é um bom caminho a seguir.
Se você está no quadrante 2, você não dá suporte e também não cobra. Também não é um bom caminho. Seu time vai se achar totalmente largado, abandonado e os resultados também não vão vir.
Se você está no quadrante 3, você cobra sem dar suporte. Atitude autoritária esta, não? Se estivéssemos no tempo da escravidão, talvez isso fizesse sentido. Mas hoje… Bomba em você também.
O quandrante 4 é o que os amercianos chamam de “sweet spot”. O cenário perfeito. Apesar de muita gente não perceber, nossas equipes querem ser desafiadas, querem ir além, querem alguém que as façam crescer. Mas junto com a cobrança, condições (e recompensas) têm que ser dadas. E repare que isso não tem a ver com dinheiro apenas. Tem muito mais a ver com seu tempo, com a sua devida orientação e com recursos adequados de trabalho. Então, não fique com medo de cobrar. Seus liderados esperam isso de você. Mas dê a devida contrapartida!

E você, como se enxergar nessa figura? Deixe seu comentário!

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY